O curso de graduação em Ciências Contábeis

O curso de graduação em Ciências Contábeis da Universidade de Brasília foi implantado no ano de 1977, dentro do Departamento de Administração. As turmas iniciais eram compostas de quinze alunos, que ingressavam semestralmente, e, em virtude de um currículo com poucas disciplinas específicas, se comparado com o curso de Administração, o curso contava com cerca de cinco professores.

Em 1988, o curso de graduação em Ciências Contábeis passou a contar com uma nova estrutura curricular, que procurava implantar uma proposta de curso de graduação bastante inovadora. esta nova proposta acadêmica incorporava ao fluxo do curso conhecimentos visando a formação de um profissional voltado para a gestão de sistemas de informação, contemplando disciplinas como Modelos de Ajustamentos Contábeis, Análise de Liquidez, Teoria Contábil, Auditoria de Sistemas Computadorizados, Contabilidade de Companhias Abertas, dentre outras.

É importante salientar que essa visão de ensino decorreu, em parte, da estreita ligação existente entre os cursos de Ciências Contábeis e de Administração. Com efeito, temos consciência de que há uma proximidade entre o gestor de uma organização e o responsável pela estrutura do sistema de informação dessa organização.

Simultaneamente com a implantação da mudança da estrutura curricular, aumentou-se também o número de vagas ofertadas e o número de docentes vinculados ao curso.

Para a efetiva consolidação da nova proposta de curso de graduação em Ciências Contábeis, a Universidade de Brasília optou por organizar uma unidade acadêmica específica, com lotação docente própria. Foi criado, então, no dia 13 de março de 1991, o Departamento de Ciências Contábeis e Atuariais (CCA).

Em 1992, essa nova unidade administrativa conseguiu formar a primeira turma do novo currículo, sendo que a visão implementada na graduação foi reconhecida pela Resolução CFE 3/92. Essa resolução alterava o currículo mínimo do curso de Ciências Contábeis nas instituições de ensino superior no País, com a incorporação de diversos conteúdos. É importante notar que a estrutura curricular da Universidade de Brasília foi utilizada nos estudos de alteração do currículo mínimo. Tanto é assim que o departamento necessitou apenas de fazer pequenas alterações no seu currículo para adequá-lo às novas normas.

Com a consolidação do curso de graduação, o próximo passo pra a melhoria da qualidade do curso de Ciências Contábeis da Universidade de Brasília, foi a implantação do curso de pós-graduação.

Em conjunto com o Decano de Pós-graduação da Universidade de Brasília e atual Reitor da instituição, o CCA lançou o primeiro curso de especialização em Ciências Contábeis em 1996. É importante destacar que apesar da existência de diversos cursos de pós-graduação lato sensu em Brasília, a iniciativa do CCA foi um sucesso pois inscreveram-se mais de noventa candidatos para um total de trinta e três vagas. Os cursos subseqüentes apresentaram índices que atestam a demanda do mercado por cursos de pós-graduação na área.

Hoje, a estrutura dos cursos de especialização do Departamento de Ciências Contábeis e Atuariais encontra-se consolidada, existindo diversos cursos de pós-graduação em andamento.